.
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Últimos assuntos
» Inscrição da Personagem e Jogador
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyDom Jun 09, 2013 3:20 am por Convidado

» Refeitório\Bar dos alunos
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySab Mar 31, 2012 2:34 am por Convidado

» Dormitório Masculino
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyDom Jan 22, 2012 1:26 pm por Convidado

» Corredor principal
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySab Jan 07, 2012 12:34 am por Convidado

» Piscina Interior
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyQui Jan 05, 2012 11:17 pm por Convidado

» IMPORTANTE - Usuários
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyDom Out 30, 2011 8:50 pm por Convidado

» Hospital da Cidade
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyQua Out 19, 2011 9:08 pm por Convidado

» Dormitório Feminino
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyTer Out 11, 2011 8:38 pm por Convidado

» Praia das Laranjas
Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyDom Out 09, 2011 1:53 am por Convidado


Compartilhe
 

 Rua das Prostitutas

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySab Set 03, 2011 11:30 am

Agarrei-a por um braço e fi-la encostar à parede, olhando para ela ameaçadoramente.
- Abigail Berry, não brinques comigo. E , babe, isto nem um cheiro do que faço foi.
Olhei para ela uma última vez e , no caminho para o colégio, fui a rir-me.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySab Set 03, 2011 11:40 am

Quando ele me agarrou e encostou à parede, fitei-o na mesma com um ar divertido. Puto, badboys já vi muitos.
- Já viste que bom. - gozei, soltando outra gargalhada.
Depois de arranjar, nem que fosse um pouco, apressei-me a ir para o colégio, mandando uma mensagem a Jake pelo caminho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 16, 2011 8:56 pm

- Sim mãe? - atendi enquanto saía da discoteca. Fui andando sem destino até que vim parar a uma rua um pouco sinistra. Os gemidos sonoros ecoavam por toda a rua.
- Filha? Que barulhos são esses? Onde estás? - ouvi a minha mãe do outro lado perguntar.
- Não é nada mãe, é que eu estou numa discoteca e então deve ser disso... - tentei desculpar contendo umas gargalhadas.
- Ah está bem, olha eu liguei porque tenho uma novidade...
- Então? - perguntei.
- Eu...estou grávida!! - disse muito entusiasmada. - Eu e teu pai decidimos voltar a tentar e finalmente conseguimos. - disse soltando um pequeno guincho de felicidade. Por mais que eu quisesse não conseguia sorrir, nem ficar contente com esta novidade. Eu tinha medo...tinha medo de que agora que finalmente iam conseguir ter um filho deles já não me quisessem.
- Ah que bom! Fico muito feliz por vocês! - tentei parecer entusiasmada. Senti uma lágrima escorrer-me pelo rosto, mas rapidamente a limpei. - Mãe eu tenho mesmo de ir, beijinhos depois falamos melhor! - disse rapidamente, pois sentia que atrás daquela lágrima viriam muitas mais e tudo o que menos queria era que a minha mãe reparasse. Desliguei rapidamente, sem deixar que a minha mãe respondesse. Encostei-me a uma parede e deslizei o meu corpo até me conseguir sentar no chão. Abracei as pernas e coloquei a cabeça entre os braços e aí sim deixei que as lágrimas finalmente atacassem o meu rosto.
- Ei! Porque choras boneca? - ouvi uma voz aproximar-se, o que me fez levantar a cabeça. Senti o meu coração gelar quando vi que era o rapaz da discoteca.
- Deixa-me em paz! - disse levantando-me rapidamente e começando a caminhar, com o objectivo de voltar para a discoteca.
- Onde pensas que vais? - gritou bruscamente e empurrou-me contra a parede. - Tu esta noite és minha... - sussurrou agarrando-me.
Senti medo quando senti o seu toque, tinha medo do que ele me pudesse fazer. Merda Jaz...não sabias ir para uma rua onde houvessem pessoas?!
- Sou tua coisa nenhuma! - gritei-lhe enquanto me tentava soltar dos seus braços.
- Shh... - colocou-me um dedo sobre os lábios.- Não digas parvoíces...Pensei que já tinhas reparado de que te quero... - desceu uma mão até à minha nádega e apertou-a.
Mordi o seu dedo com força o que o fez largar-me e agarrar o seu dedo queixando-se. Comecei a correr rezando para conseguir chegar à discoteca o mais rápido possível.
- Puta! - ouvi-o gritar. - Eu estou a sangrar do dedo por tua culpa cabra! - gritou novamente. Continuei a correr ignorando os seus comentários. Pensava que estava salva até que senti uns braços rodearem-me e atirarem-me para o chão. Senti um ardor muito forte no braço e foi aí que reparei que tinha um arranhão enorme no braço.
- Não voltas a fugir ouviste?! - aproximou-se e fez com que eu me levantasse empurrando-me contra a parede, mas desta vez com uma força extrema. Gritei ao sentir o meu corpo embater na parede, e por momentos parecia te sentido o meu corpo despedaçar-se. - Tu és minha... - sussurrou e começou a aproximar a sua cara da minha, para me beijar. Aproximei a minha mão da sua cara e dei-lhe um estalo de novo. Pareceu-me ver um punho vir em direcção à minha cara e quando estava estendida no chão e coloquei a mão no nariz e o vi a sangrar percebi de que ele me tinha dado um murro. - Eu avisei-te para não o voltares a fazer... - agarrou-me pelos cabelos puxando-os. - Eu disse que te ias arrepender.. - sussurrou. Sentia o meu corpo ser invadido por uma dor insuportável. Contorci-me com dores e senti as lágrimas atacarem-me de novo.
- Deixa-me em paz... - choraminguei. Ele levantou-me do chão e colou os nossos corpos.
- Nunca... - sussurrou. Sentia nojo e medo dele. E foi quando senti as suas mãos percorrerem o meu corpo de novo que arranjei coragem, e lhe dei uma joelhada entre as pernas, no sítio do seu membro. Vi- o agachar-se e gritar com dores, não pensei duas vezes e comecei a correr. Fui até ao parque de estacionamento, abri a porta do meu carro e entrei. Tranquei as portas e comecei a conduzir a uma velocidade elevada para o colégio. Não parei de chorar um segundo, já não sentia o meu corpo com todas as dores que sentia. Precisava de ver Martin, precisava de o abraçar e ouvir a sua voz. Quando cheguei ao colégio deixei-me ficar no carro, pois toda a adrenalina que antes percorria o meu corpo começava a abandoná-lo lentamente, dando agora lugar a dores insuportáveis. Vasculhei a mala, de olhos fechados, contorcendo-me com dores e quando senti o telemóvel mandei uma mensagem a Martin.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 16, 2011 9:11 pm

Corri para o parque de estacionamento, vi Jaz com a cara a sangrar.
Corri para ele e agarrei a sua mão.
- Jaz... o que se passou ? - perguntei, quase a entrar em pânico. - Acho melhor chamar uma ambulância...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 16, 2011 9:17 pm

Deixei-me ficar no carro pois não tinha forças para fazer nada. As lágrimas acabaram por secar até porque nem força para chorar eu tinha.
Vi Martin chegar ao parque de estacionamento e quando viu o meu estado começou a correr na minha direcção.
- Eu...eu..- não tinha força para falar, já não sentia o corpo com tanta dor. - Não, não chames... - pedi sussurrando. - Abraça-me... - sussurrei com a voz a falhar-me.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 16, 2011 9:43 pm

Abracei-a devagar.
Peguei no telemóvel e chamei uma ambulância.
Eles viram rapidamente. Jaz entrou na maca e eu fui com ela em direcção ao hospital.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 30, 2011 8:56 pm

Muda-mos de rua e percebi em que tipo de rua estava-mos quando vi várias raparigas no passeio com roupas super curtas.
- Mau caminho Anne...- disse e apertei-lhe a mão fortemente.
Não queria que lhe acontecesse nada de mal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 30, 2011 9:00 pm

Quando comecei a ver todas aquelas raparigas com roupas extremamente curtas, e alguns rapazes, percebi logo que tínhamos vindo para um mau caminho, assim como Ryan tinha dito.
Aproximei-me mais de Ryan, apertando cada vez mais a sua mão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 30, 2011 9:03 pm

-shhhhh...-murmurei ao seu ouvido.
Acelerei o passo e Anne também, queria-mos sair dali rápido.
Uma rapariga meteu-se comigo:
-Olá querido.. não me queres pagar uma bebida ali? - apontou para um bar estranho.
Revirei os olhos tentando acalmar-me.
- Estou acompanhado, não vês?!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySex Set 30, 2011 9:10 pm

Revirei os olhos, também, á rapariga que se tinha metido com Ryan.
- Baza. - gritei para a rapariga.
Afastamos-nos dela, e voltei a olhar para Ryan:
- Não gosto nada disto... - murmurei, sentido o medo a espalhar-se pela minhas veias.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptySab Out 01, 2011 12:37 am

-Vamos.-disse decidido.
Peguei na mão de Anne com mais força e caminhei em passadas mais largas que Anne quase não conseguia acompanhar. Fomos até à paragem de autocarro mais próxima aguardado pelo próximo que deveria vir dentro de minutos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 EmptyDom Out 09, 2011 1:23 am

Era o dia de que tanto me haviam falado. O dia da rua, precisava do dinheiro. Precisava de esquecer tudo. E o receber das notas fazia-me feliz. Encostei-me numa esquina e esperei até começarem a chegar clientes.
Não faço sem preservativo, e isso chocou alguns ao afirmarem que era uma puta fina e não uma prostituta. Consegui dois em duas horas, nada mau. Sentei-me na berma da estrada e acendi um cigarro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: Rua das Prostitutas    Rua das Prostitutas  - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Rua das Prostitutas
Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Fora do mundo do colégio. :: Cidade-
Ir para: